quarta-feira, 26 de maio de 2010

Flor do Sal

Já que falamos em açúcar, que tal falar também do sal? Mais especificamente, do sal dos sais: a elegante e sofisticada Flor do Sal. Trata-se da colheita manual, artesanal, da primeira camada obtida do sal. É sofisticado, caro, de diferentes texturas e dá um sabor especial a variados pratos, inclusive doces, quando realça o sabor de seus ingredientes.
Podemos encontrá-lo puro, defumado, suave, de grãos negros, fino como talco, com cristais rajados de azul, em versões caseiras (misturado com pimenta, noz-moscada, grãos de coentro, etc). É usado salpicado sobre os pratos, e não durante o cozimento. Pode vir à mesa na forma de cristais para então serem ralados na hora, diante do cliente.
Temos a flor do sal Maldon (inglesa),flor do sal Belamandil (Algarve, Portugal), Yukishio (japonesa), Fleur de Sel (francesa), etc.
A flor do sal brasileira vem de Mossoró, Rio Grande do Norte, e está à nossa disposição em boas lojas e supermercados.

2 comentários:

  1. Seja bem-vinda, Yvone!
    Passarei sempre por aqui!!!

    :)

    ResponderExcluir
  2. Muito bom o blog, gostei muito está de parabéns.

    ResponderExcluir